• Guto Martinez

Pró-Vinho quer incentivar consumo

União de associações e de profissionais de diversas áreas pretende reverter consumo baixo no Brasil



Foi lançada no dia 29 de janeiro a Iniciativa Pró-Vinho, um movimento inédito no Brasil que visa incentivar o consumo do vinho no país e alavancar o seu consumo, que ainda pode ser considerado muito baixo.


Os atuais 1,7 litros per capita consumidos anualmente equivalem a 330 milhões de litros, o que nos torna apenas o 17º maior mercado mundial atrás de Romênia e Rússia, o que é considerado muito baixo. O potencial para crescimento é muito grande, já que países como Uruguai e Argentina têm um consumo per capita por volta de 30 litros.


O Pró-Vinho atuará, principalmente, na criação de ações e conteúdo a ser distribuído pela mídia, sempre buscando promover o consumo consciente e a criação do hábito de se ter o vinho na alimentação da população, à semelhança do que é feito nos países onde o consumo é o mais alto do mundo.


Entre as associações que compõem a Pró-Vinho, estão a Abras (Associação Brasileira de Supermercados), a ABBA (Associação Brasileira dos Exportadores e Importadores de Bebidas), o Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho) e a Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), além de profissionais do calibre de Álvaro César Galvão (autor do site Divino Guia), Carlos Cabral (consultor de vinhos do Grupo Pão de Açúcar) e Jorge Lucki.




Sucesso à iniciativa, e que o consumo consciente e responsável de vinho aumente no Brasil!

0 visualização

©2019 by Vinho e Gastronomia. Proudly created with Wix.com