• Guto Martinez

Vilarnau: a personalidade catalã do Cava

Vinícola associada à González Byass oferece qualidade e exclusividade


Produzidos na prestigiada região de Penedès, na Catalunha, os espumantes da Vilarnau têm a alma cosmopolita de Barcelona e são considerados a joia espumante da coroa do Grupo González Byass. Embora o primeiro rótulo da Vilarnau tenha sido feito em 1949, desde o século 12 as uvas são plantadas na bela propriedade de "Can Petit i les Planes de Vilarnau", que se dedica a oferecer cavas de grande personalidade e que refletem o espírito catalão e mediterrâneo.

O impecável cuidado com a produção pode ser notado em todas as suas etapas: os vinhedos, localizados aos pés das montanhas de Montserrat, no coração da Catalunha, fizeram a conversão para biológicos (ou orgânicos), em atenção ao ambiente de produção das uvas, tendo sido uma das primeiras 15 vinícolas espanholas condecoradas com o título "Wineries for Climate Protection", que promove as práticas de melhoria contínua da sustentabilidade e é atestado após rigorosa inspeção da Lloyd's Register.

A famosa estética catalã também não é esquecida: as garrafas têm um belo design e são decorados por envelopamento em edições especiais, e a própria sede da vinícola acaba de ser transferida a uma nova e moderna construção em 2005, erguida no centro da propriedade localizada em Sant Sadurní d'Anoia, capital da DO Cava, com decoração idealizada por Antonio Miró (1947-2022), um dos maiores nomes do design na região.


Em sua primeira visita ao Brasil, o enólogo Damiá Deàs apresentou os dois cavas importados ao Brasil: o Vilarnau Cava Brut, composto de 50% Macabeo, 35% Parellada e 15% Xarel.lo, que passam 12 meses sobre as lias e resultam num espumante de frescor cítrico ideal para um clima quente como o nosso; e o Vilarnau Cava Rosé Brut, um espumante muito elegante e aromático que contém 90% da menos conhecida variedade Trepat e 10% de Pinot Noir, usada para conferir uma colaração elegante e estrutra à bebida, que traz aromas de frutas vermelhas frescas e cremosidade muito agradável.

O enólogo, cujo compromisso com a Vilarnau já passa de 25 anos de trabalho, pode se orgulhar de seus espumantes: já são dezenas de prêmios recebidos em 2016, incluindo o ouro no Champagne & Sparkling Wine World Championships para o Brut Reserve, a prata para o Brut Reserva Rosé no Decanter Wine World Award, e pontuação de 92 no célebre Guía Peñin para o Albert de Vilarnau Fermentado en Barrica.

A vinícola Vilarnau demonstra nos seus cavas sua vocação de boutique, e tem o importante papel de colocar os cavas novamente no foco central dos espumantes mundiais de alta qualidade. Com a qualidade dos vinhos que são oferecidos no Brasil, este papel está sendo cumprido com muita categoria!


Os espumantes Vilarnau são importados ao Brasil pela Inovini (www.inovini.com.br), divisão de vinhos da importadora Aurora.


9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo